Let’s Encrypt: por uma internet mais segura

Você já teve um sonho de criptografar seu site ou aplicação e achou muito caro? Eu sim! Dá uma olhada no cadeado verde na url do blog e adivinha: não custou 1 centavo. Neste post vou tirar algumas dúvidas sobre este tipo de certificado SSL e lhe indicar um excelente link para instalação rápida.

Certificado gratuito

“Let’s Encrypt is a new Certificate Authority: It’s free, automated, and open.” é a frase inicial do incrível projeto Let’s Encrypt. Esta é uma iniciativa do Internet Security Research Group (ISRG) tendo patrocinadores como Mozilla, Cisco e Google.

É igual a um certificado pago?

Se você compará-lo a um certificado comum, sim. Ele não valida a empresa e sim o domínio, o que é suficiente para a maior parte das aplicações, desde blog até e-commerce. Para mais detalhes sobre tipos de certificado, sugiro este link.

Let’s Encrypt funciona com múltiplos subdomínios (certificado Wildcard)?

Não. Um certificado Let’s Encrypt não substitui um Wildcard (certificado para múltiplos subdomínios). Se você pensou em criar um certificado para cada subdomínio, já tentei e também não funciona. Mais detalhes sobre suporte wildcard no Let’s encrypt confira aqui.

Como instalar e configurar um certificado SSL Let’s Encrypt

Eu pretendia fazer um post sobre a configuração de certificados Let’s Encrypt, mas o Tiago Hillebrandt já fez um excelente post sobre o assunto: “Let’s Encrypt: certificado SSL gratuito para o seu site!“.

O que posso adiantar aqui é que é muito simples, em menos de 10 minutos você consegue ativar seu primeiro certificado SSL.

Agradecimentos

Agradeço ao Eduardo Gaedke por ter me apresentado o projeto. Graças à isso nossa empresa já economizou um bocado em certificados SSL, sem falar na facilidade em fazer atualizações nestes certificados, pois podem ser automatizadas. Se sua empresa também se beneficia deste projeto, que tal fazer como a minha e doar alguma quantia para o Let’s Encrypt?

Conclusão

Recomendo fortemente certificados Let’s Encrypt, afinal além de gratuitos, podem ser renovados automaticamente, trazendo mais segurança para toda internet e seus usuários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *